REFORMAS E ADEQUAÇÕES

É comum, com o passar do tempo e ao decorrer da vida útil da edificação, a insatisfação do cliente com seu imóvel ou mesmo o desejo de mudança na edificação, além ainda, da necessidade que este pode apresentar de reparos com o passar dos anos. As reformas e adequações tem por objetivo adequar o imóvel ao desejo do cliente e sanar quaisquer patologias existentes no mesmo, tais como infiltrações, problemas com revestimentos cerâmicos, perda de pigmentação de pinturas em fachadas, vedações em geral, dentre outras. Com a auxílio do profissional Arquiteto e Urbanista a correção dessas patologias pode ser feita de forma adequada, planejada e bem orientada, evitando possíveis insatisfações futuras. 

REGULARIZAÇÃO DE IMÓVEIS

A regularização de edificações tem por objetivo tirar o imóvel da clandestinidade e torná-lo legal em relação às exigências das legislações municipais específicas. O processo de regularização é realizado junto a Prefeitura Municipal do município, e permite ao proprietário registrar seu imóvel, ter legalizado o funcionamento da atividade comercial, ter acesso a financiamentos para reformar o imóvel ou até mesmo comercializá-lo.

LEVANTAMENTO ARQUITETÔNICO

O levantamento arquitetônico é realizado por meio de visita in loco à edificação para obtenção das medidas da mesma, que posteriormente serão repassadas para formato digital. Esse levantamento tem como finalidade a obtenção de um conjunto de desenhos em formato digital (planta de implantação, planta baixa, cortes, fachadas etc.) necessários ao desenvolvimento do Projeto de Segurança Contra Incêndio e Pânico (PSCIP), assim como para a realização de um projeto de regularização do imóvel junto à Prefeitura Municipal do município. 

PROJETO ARQUITETÔNICO

     O desenvolvimento do projeto arquitetônico tem como grande importância a previsão e orientação adequada do dimensionamento e execução da construção a ser realizada, seja ela de natureza residencial, comercial, institucional, dentre outras. É através do projeto arquitetônico, associado a uma série de outros tipos de projetos (estrutural, elétrico, hidrossanitário, de combate a incêndio etc.), que se obtêm uma construção adequada à legislação local, previamente pensada, discutida e fundamentada, que leva em consideração questões climáticas, de sustentabilidade ambiental, econômica e social, de modo a atender aos anseios e desejos do interessado e evitar possíveis incompatibilidades no decorrer do processo de desenvolvimento da obra e ao longo da vida útil da edificação já consolidada.